CHAMADA DE ARTIGOS 2015

A revista Direito Público (ISSN 1806-8200 impresso e 2236-1766 digital), publicação oficial do Programa de Mestrado em Direito Constitucional da Escola de Direito de Brasília, mantida pelo Instituto Brasiliense de Direito Público - IDP, seleciona artigos para suas edições de 2015. Os artigos, sejam eles doutrina, jurisprudência comentada, estudos ou conferências, devem versar sobre a temática de Direitos Fundamentais ou Controle de Constitucionalidade.

Normas de Publicação:

1. Serão aceitos originais, inéditos, os quais serão submetidos à apreciação do Conselho Editorial responsável pela Revista, que poderá recomendar as suas publicações.

2. A priorização da publicação dos artigos enviados decorrerá de juízo de oportunidade da Revista, sendo reservado à mesma o direito de aceitar ou vetar qualquer trabalho recebido, e, também, o direito de propor eventuais alterações, desde que aprovadas pelo autor.

3. A publicação dos artigos enviados não implicará remuneração a seus autores, tendo como contraprestação o envio de um exemplar da edição da Revista onde o artigo foi publicado.

4. As opiniões emitidas pelo autor em seus artigos são de sua exclusiva responsabilidade.

5. Os artigos encaminhados à Revista devem observar as seguintes especificações:

- Arquivo formato Word, ou em formato compatível com o pacote Office.

- Fonte Times New Roman, tamanho 12;

- Espaçamento entre linhas de 1,5;

- Títulos e subtítulos em caixa alta, alinhados à esquerda e em negrito;

- Conter entre 15 e 25 laudas;

- O autor deverá cadastrar-se no Portal de Periódicos do IDP (www.direitopublico.idp.edu.br), como autor;

- O arquivo contendo o texto não deverá conter nenhuma referência à qualificação do autor, sob pena de rejeição.

6. O artigo deve conter um resumo informativo, no idioma do texto, de até 250 palavras, que apresente concisamente os pontos relevantes, com suas finalidades, metodologia, resultados e conclusões.

7. O resumo acima descrito deve ser traduzido para uma língua estrangeira, preferencialmente a inglesa.

8. Após o resumo, deve constar uma relação de palavras-chave (palavras ou expressões que expressem as ideias centrais do texto), as quais possam facilitar posterior pesquisa ao trabalho. As palavras-chave são separadas entre si por ponto.

9. As referências bibliográficas deverão ser apresentadas no final do texto, organizadas em ordem alfabética e alinhadas à esquerda, obedecendo às normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas ABNT, bem como especificadas as URLs.

10. As citações no texto devem ser transcritas entre aspas duplas, no caso de citação direta, de até três linhas, vindo incorporada ao parágrafo. No caso de citação direta, com mais de três linhas, deve ser destacada do corpo do texto com recuo de 4 cm da margem esquerda, com fonte menor que a utilizada no texto e sem aspas.

11. À Editora fica reservado o direito de proceder às revisões gramaticais e à adequação dos artigos às normas disciplinadas pela ABNT, caso seja necessário.

Informações Adicionais:

Os trabalhos devem ser encaminhados exclusivamente por meio do Portal de Periódicos do IDP (www.direitopublico.idp.edu.br), com o prévio cadastramento do Autor, até o a serem remetidos até o final de julho. Todavia, os textos encaminhados após esta data serão submetidos às edições posteriores da revista Direito Público, cuja periodicidade é bimestral.

Quaisquer dúvidas a respeito das normas para publicação deverão ser dirimidas por mensagem encaminhada para o e-mail: direitopublico@idp.edu.br

Revista Direito Público

Publicada pelo IDP e IOB Editora, a revista possui Conselho Editorial formado por juristas de renome, como Aline Sueli de Salles Santos (Fundação Universidade Federal do Tocantins) Alvaro Cruz (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais), Alvaro Sanchez Bravo (Universidad de Sevilla), Ana Barcelos (Universidade do Estado do Rio de Janeiro), Augusto Aguilar Calahorro (Universidade de Granada),Daniel Sarmento (Universidade do Estado do Rio de Janeiro), Fernando Araujo (Universidade de Lisboa), Francisco Balaguer Callejón (Universidade de Granada), Francisco Fernandes Segado (Universidad Complutense de Madrid), Gilmar Ferreira Mendes (Instituto Brasiliense de Direito Público), Ingo Sarlet (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul), Joaquim Camazano (Universidade Européia de Madrid), Jorge Octávio Lavocat Galvão (Universidade de São Paulo), Julia Maurmann Ximenes (Instituto Brasiliense de Direito Público), Lauro Gama Jr (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro), Luciano Mariz Maia (Universidade Federal da Paraíba), Marinella Araujo (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais), Pierdomenico Logroscino (Università degli Studi di Bari), Vladmir Oliveira da Silveira (Universidade Nove de Julho)

 



Associada e indexada à