ANÁLISE DE EFICIÊNCIA DE FUNDO DE INVESTIMENTO UTILIZANDO DEA

Autores

  • Tarcísio Renato Tonetto Júnior

Resumo

O mercado financeiro dispõe de diversas métricas de análise de desempenho, as quais possibilitam um exame comparativo entre os investimentos. Nesse mercado, insere-se o Fundo do Exército (FEx), cujos recursos financeiros são decorrentes de exploração patrimonial e serviços prestados pelo Exército Brasileiro, bem como do rendimento desses mesmos recursos. Com efeito, visando maximizar o retorno dos ativos financeiros disponíveis, o FEx mantém um portfólio diversificado, com aportes em ativos de renda fixa e fundos de investimentos, dentre eles o FI Fidelidade II, da Caixa Econômica Federal. Assim, este trabalho objetiva mensurar a eficiência do FI Fidelidade II e, ainda, construir a fronteira de eficiência da amostra estudada em um primeiro momento, para depois buscar expandir essa fronteira valendo-se de diversificação entre os fundos. Para isso, emprega-se uma técnica de análise envoltória de dados (Data Envelopment Analysis - DEA), utilizados os retornos como outputs e as taxas de administração e o Conditional VaR – uma medida de risco – como inputs. Após a estimativa da fronteira e mensuração da eficiência das unidades de amostra, denominadas Decision Making Units (DMUs), a fronteira expandida foi obtida mediante processo iterativo de análise de fundos teóricos, constituídos pelos fundos eficientes mais próximos entre si na fronteira.

Downloads

Publicado

2022-04-14

Como Citar

Tonetto Júnior, T. R. (2022). ANÁLISE DE EFICIÊNCIA DE FUNDO DE INVESTIMENTO UTILIZANDO DEA. Revista Debates Em Economia Aplicada, 1(4). Recuperado de https://www.portaldeperiodicos.idp.edu.br/redea/article/view/6392

Edição

Seção

Artigos