ACADEMIAS DE GINÁSTICA DO DISTRITO FEDERAL: UM DIAGNÓSTICO ECONÔMICO DO SETOR

Luiz Roberto Pires Domingues, Tereza Helena Marques

Resumo


Conhece-te a ti mesmo, é uma das máximas escritas no Templo de Apolo em Delfos (Grécia) que tem mais de 2400 anos. Tal expressão pode ser aplicada às pessoas, grupos, empresas, instituições, pois somente de posse deste conhecimento é possível determinar os pontos fortes, os pontos fracos, as vantagens e fragilidades, e assim trilhar o caminho da evolução e do sucesso. Caso contrário, ficamos presos na lógica da tentativa e erro, onde a evolução e o desenvolvimento se dão por espasmo e de maneira não linear. As academias de ginástica são uma atividade econômica que atende cerca de 12% da população do Distrito Federal, que movimenta cerca de R$687,82 milhões de reais ao ano (Dez/2019), que emprega cerca de 20% dos profissionais registrados no Conselho Regional de Educação Física da 7ª Região. Profissional este que ainda não se vê e não é visto como uma atividade de saúde, apesar da legislação federal reconhecer as academias de ginástica como atividade de saúde desde 1977 e o profissional de educação física ser considerado legalmente como um profissional de saúde. Pois somente a partir do conhecimento do setor é factível o estabelecimento de estratégias de valorização e de regulação do mesmo, assim como os atores envolvidos.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.
Associada e indexada à